Buenovel

Baixe o livro no aplicativo

Download
FUGA IMPROVÁVEL
Léo Pajeú e Léo Bargom
FUGA IMPROVÁVEL

“Esta é uma obra de ficção, qualquer semelhança com nomes, pessoas, fatos ou situações terá sido mera coincidência”.

FUGA IMPROVÁVEL

1ª EDIÇÃO

Título original

Fuga Improvável

Capa

Léo Pajeú

Diagramação

Léo Pajeú

Revisão

Léo Pajeú

Imagem da capa e ilustrações

Imagem Google

Foto do autor

Emanuelle Bonifácio

Pajeú, Léo, 1961

          Fuga Improvável –  /Léo Pajeú – 1.ª Ed. Brasília-DF, 2018.

000p.

1 – Fuga Improvável – Garoto – Aventura – Luta – Papagaio –  Menina – Paleontólogo – Ciganos - Caatinga - Estrada – Brasília - Título.

Leonires Barbosa Gomes

Quadra 18 casa 03 Setor Tradicional

Brazlândia-DF

Tel. (61) 998050261

Copyright © 2018 Léo Pajeú

Todos os direitos reservados.

ISBN: 9781977013811

ISBN-13: 9781977013811

A minha mulher e meus filhos:

Nem todos os livros, pelo seu atributo,

são oportunos para serem proporcionados.

Este é, seguramente, daqueles que não

oferece-se, mas dedicando-o só tive

em aspecto contrapesar um pouco das

ocasiões que me apartei do convívio familiar

concentrado neste infortúnio.

CARTA AO LEITOR

          Caros leitores e leitoras é com enorme satisfação que apresento a minha história, Fuga Improvável. Uma época de muita carestia no sertão, a terra já pertencia ao ambicioso fazendeiro da região, o êxodo rural era uma forma de sobrevivência, os centros urbanos era uma promessa de dias melhores, mas, trilhar esse caminho até as grandes capitais não era uma tarefa fácil, não havendo outro jeito, a Fuga do sertanejo para os grandes centros urbanos se tornava uma rotina, nessas rotinas acontecia muitos fatos, muitas histórias, muitas aventuras...

          Não sei ao certo com quantas palavras se arranca um suspiro, uma lágrima ou um espanto, talvez seja esta a grande mágica da vida, tudo aparece como um mistério, como um raio e mesmo dormindo ou acordado temos sonhos e visões que ao relembrarmos podemos rir ou chorar e ai ao despertar as emoções ficam em lascas, sem rumo, meio sem jeito, então vamos reunindo sonhos, histórias e mistérios, como uma colcha de retalhos que depois de pronta encobrimos nossas consternações e aversões, às vezes revelamos e outras vezes deixamos no ar algumas  histórias que se revelam espontaneamente.

Léo Pajeú

Loucura? Sonho

Tudo é loucura ou sonho no começo. Nada do que o homem fez no mundo teve início de outra maneira - mas tantos sonhos se realizaram que não temos o direito de duvidar de nenhum.           (Monteiro Lobato)

Próximo Capítulo